CV

Roteiros

2021. Série ficcional VESTÍGIOS. Está na etapa de desenvolvimento. Recebeu feedbacks no Grupo de Desenvolvimento de Roteiro do Marieta (SP), por meio de uma bolsa. Selecionado no 7º Icumam Lab – Laboratório de Fomento à Produção Audiovisual no Centro – Oeste, onde ganhou o prêmio fornecido pelo coletivo C/AS4ATRO.

2021. Curta – metragem HAWALARI. Recebeu consultoria no 6º Laboratório Permanente de Roteiros e Projetos da 15ª Mostra ABD de Goiás – FICA. Foi contemplado pela Lei de Incentivo Goyazes para produçãoChegou na etapa final de seleção (SHORTLIST) da 52ª Quinzena dos Realizadores do Festival de Cannes – 2020, que foi cancelada por causa da pandemia da Covid-19. Estreou no 32º Festival Internacional de Curtas Metragens de São Paulo – Curta Kinoforum – 2021, ficando entre os dez mais bem votados pelo público; e a atriz Hawalari Coxini ganhou o prêmio “Borboleta de Ouro – Prêmio Especial” por sua atuação neste curta. Selecionado no Alexandre Trauner Art/Film Festival, na Hungria; na 31º Cine Ceará – Mostra Competitiva Brasileira de Curta – metragem; no 28º Festival de Cinema de Vitória – 25ª Mostra Competitiva Nacional de Curtas; no 31º Curta Cinema – Competição Nacional; convidado para integrar a Curta Mostra Brasil da 20ª Goiânia Mostra Curtas; convidado para a Competitiva Nacional do XVII Panorama Internacional Coisa de Cinema; e selecionado no 3º Festival Curta Cerrado.

2021. Longa ficcional UMA BOA NOITE. Está na etapa de desenvolvimento. O argumento original foi contemplado pelo Edital de Desenvolvimento de Roteiro da Lei de Incentivo Goyazes (2018).

2020. Série ficcional COLAPSADOS. Está na etapa de desenvolvimento. A bíblia e o piloto foram desenvolvidos como projeto final no curso Formação Livre em Roteiro da Academia Internacional de Cinema (SP).

2020. Longa documental ENTRE INSÔNIAS E POESIAS. Está na etapa de desenvolvimento. Baseado na entrevista e biografia desenvolvidas no curso Formação Livre em Roteiro da Academia Internacional de Cinema (SP).

2017. Curta – metragem PREFIRO NÃO LEMBRAR. Foi contemplado pelo Fundo de Arte e Cultura de Goiás para produção, com nota máxima. Estréia em 2022.

2017. Curta – metragem MÃE, ACORDA A VOVÓ. Selecionado em 15 festivais de cinema nacionais e 03 internacionais, incluindo 11ª CineBH – Mostra Internacional de Cinema de Belo Horizonte, 15ª Mostra ABD de Goiás – FICA e IV FAVERA, onde ganhou Menção Honrosa. Foi contemplado com recursos da Lei Aldir Blanc.

2016. Curta – metragem TARTARUS. Selecionado em 17 festivais de cinema nacionais e 05 internacionais, incluindo 6º FICIP Argentina Festival Internacional Cine Político, Brazilian International Labour Film Festival, Corto Nero – Noir Short Film Competition (Itália), Planeta.DOC – Festival Internacional de Cinema Socioambiental e a 16ª Goiânia Mostra Curtas, onde ganhou o prêmio de Melhor Curta – Júri Popular da Mostra Goiás.

Formação

2020. Formação Livre em Roteiro pela Academia Internacional de Cinema (SP).

2020. Aluno especial no Programa de Pós – Graduação em Meios e Processos Audiovisuais da ECA – USP. Disciplina Historiografia e Cinema: aportes teórico-metodológicos. Professores: Eduardo Victorio Morettin e Rafael Morato Zanatto.

2016 – 2017. Especialização em Direito Internacional pelo International Law Center (CEDIN).

2012 -2017. Graduação em Direito pela PUC – GO.

Outras funções desempenhadas no audiovisual

Assistente de sala de roteiro (2018). Produtora: É Nóis Ki Tá Produções.

Direção, Produção Executiva e Direção de Arte no curta – metragem: Tartarus (2016).

Direção e Produção Executiva nos curtas – metragens: Hawalari (2021) e Prefiro Não Lembrar (2022).

Direção e Direção de Produção no curta – metragem: Mãe, Acorda a Vovó (2017).

Coordenador Geral, Produtor Executivo e Curador das 4 edições da mostra itinerante de curtas goianos: Curta Goyaz (2017).

Assistente de Produção Executiva na série de TV: Meu Skate não é Enfeite (2016) – 05 ep. de 26′, ficção. Roteiro e Direção: Raphael Gustavo da Silva. Contemplada no edital FSA/PRODAV – 10/2014 para produção. Exibida na: TV Cultura – 2017, TV UFG – Goiás – 2017, TVE – Rio Grande do Sul – 2017, Canal Universitário do Sul – 2017, TVU – Pernambuco – 2017, TV UFAM – Amazonas – 2017, TV Brasil – 2018, TVE Bahia – 2018, TVT – São Paulo – 2018, SPCINE PLAY – 2020.

Produtor no canal do YouTube: Entre Brisas (2017 à 2019). Um dos maiores canais de humor do estado de Goiás, com 78,6 mil inscritos e alguns vídeos passando a marca de 01 milhão de visualizações, a exemplo de “Motel” que passou os 3.8 milhões de visualizações e “Motel 2” 1.8 milhões de visualizações. Direção de Diego D’ascheri.

Produtor das 4 edições da mostra itinerante de curtas dirigidos por mulheres: Mostra das Minas GO (2017).

Assistente de produção no curta – metragem: Lily’s Hair (2018). Dirigido por Raphael Gustavo da Silva. Contemplado no edital de curtas – metragens do MINC 2017 para produção. Selecionado em 39 festivais nacionais e 18 internacionais, incluindo IV International Children’s Film Festival – Ucrânia – 2019; 8˚ Olhar de Cinema – Festival Internacional de Curitiba/PR – 2019; e XV Panorama Internacional Coisa de Cinema – Salvador/BA – 2019. Ganhou o Prêmio Brasil de Cinema Infantil: Categoria Histórias Curtas – Festival Internacional de Cinema Infantil (FICI) – Rio de Janeiro/RJ – 2019; Melhor Filme Infantojuvenil – II Festival Take Único – Ubá/MG – 2019; Filme Destaque do 2˚ Acreúna Festival Internacional de Cinema – Acreúna/GO – 2019. Foi Licenciado para exibição nas salas do Sesc – Brasil (2019 a 2020).

Assistente de produção no curta – metragem: Intervenção (2017). Dirigido por Isaac Brum. Selecionado em 11 festivais nacionais, incluindo Mostra de Cinema de Tiradentes e 17ª Goiânia Mostra Curtas, onde ganhou os prêmios: Melhor Filme da Mostra Goiás e Brasil; e prêmio aquisição Cine Brasil TV.

Assistente de Produção Executiva no curta – metragem: O Retorno da Vênus (2018). Dirigido pela Vanessa Goveia. Contemplado na Lei de Incentivo Goyazes 2017 para produção. Selecionado em 05 festivais nacionais, incluindo IV FAVERA.

%d blogueiros gostam disto: